Yoga em prol do Outubro Rosa

 

 

ATENÇÃO: De acordo com a previsão do tempo, domingo estará chovendo. Em decorrência disso o local da aula será na Sociedade Vipassana de Meditação na SGAN Quadra 909 “E” – Asa Norte. Ao lado da Vara da Infância.

 

Yoga para uma boa causa!

 

Declare seu amor a si mesmo e venha se cuidar e ajudar o próximo! Esta a aula é para incentivar a prevenção da enfermidade e cuidados durante e após o câncer. Todos devem se cuidar e se amar, independente do gênero e do estado de saúde. O foco será no sistema linfático, imunológico e redução do stress.

Venha de rosa!

 

Data: 12/11

Horário: 10h

 

Público Alvo: todos independente do estado de saúde, do gênero, do nível (iniciantes também) ou faixa etária.

Valor: mínimo de 20,00 por pessoa. Parte do dinheiro arrecadado será doado à Rede Feminina de Combate ao Câncer de Brasília (redefemininabrasilia.org.br).

 

 

O Outubro Rosa é um movimento popular realizado em todo o mundo na luta contra o câncer de mama, que é mais comum entre as mulheres, mas pode surgir nos homens. Assim este é o mês de Conscientização e os iogues em todo o mundo estão honrando o mês com arrecadações, eventos e campanhas. Como não tive agenda no mês de Outubro, a aula será em Novembro, mas o que vale é a intenção, nao é mesmo?

Os estudos mostram que o yoga ajuda com o sistema linfático, ajuda na cicatrização da pele e pode ajudar as pessoas que já tiveram câncer a dormir melhor, a se sentir mais enérgica e cortar os comprimidos para dormir.

“Geralmente as mulheres com câncer de mama têm uma resposta ao estresse alterada, e o yoga ajudará porque irá diminuir o cortisol (hormônio do estresse) e aumentar o GABA (aminoácido neurotransmissor referido como “valium da natureza” porque ele é calmante e relaxante), diz Sara Gottfried, uma yogi e ginecologista treinada em Harvard.

Observar o próprio corpo é o aprendizado inicial e também primordial de quem pratica Yoga. Diversas situações ocorrem na vida, são emoções, sentimentos, movimentos, atividades diárias que impregnam uma resposta física a tudo que acontece, ou seja, o corpo fala e responde a tudo o que acontece.

Pensando na ótica holística, não tem como ser diferente, pois somos seres integrados. A prática do Yoga ajuda a perceber melhor quais são essas respostas, por exemplo, quando se está com alguma dor é importante se questionar a origem dela: pode ser um movimento físico brusco, mas também pode ser um momento de estresse, uma discussão, uma noite mal dormida ou alguma doença que está se manifestando.

Vários fatores estão relacionados ao aparecimento da doença, entre eles podemos citar: histórico familiar, questões genéticas, hábitos alimentares, consumo de álcool, excesso de peso, sedentarismo, exposição à radiação, fatores relacionados ao processo de  envelhecimentos, vida reprodutiva e padrões mentais.

Estudos mostraram que atividades físicas podem melhorar a saúde de pacientes com câncer, mas a intensa fadiga e dor pós-tratamento podem impedir pacientes de sair para dar uma corrida ou um passeio de bicicleta.

Mas um novo estudo, publicado na edição de janeiro do Journal of Clinical Oncology, mostra que o yoga pode ser uma alternativa viável para as pacientes com câncer de mama se exercitarem e alcançarem benefícios de saúde compatíveis (e talvez até superiores) com outros tipos de atividades físicas.

Os pesquisadores descobriram que, enquanto exercícios simples de alongamento combatem o cansaço, os doentes que participaram de exercícios de yoga, que incorpora técnicas de respiração, meditação e relaxamento, durante o tratamento, experimentaram uma melhoria na capacidade de desenvolver suas atividades diárias, melhora na saúde em geral e uma melhor regulação do cortisol. Além disso os pacientes também foram mais bem preparados para encontrar sentido na experiência da doença.

Assim, o yoga é um grande aliado em função da auto-observação aprendida durante a prática e isso pode ajudar também a mudar hábitos alimentares e padrões mentais. Diante de várias informações sobre si mesmo é possível então agir, mudar os hábitos, para prevenir, tratar e curar as doenças que se desenvolvem no corpo físico.

Acredita-se que diversas doenças, inclusive o câncer, podem ser prevenidas quando se está com um olhar atento sobre si mesmo. A conexão e a consciência corporal que se adquire com a prática de Yoga amplia-se para a consciência das emoções e da mente. Ao perceber uma rigidez em alguma região do corpo, pode-se atuar para que ela diminua e se dissipe; com as posturas, a respiração e a meditação é possível mudar o padrão que faz com que doenças possam ser manifestar. Durante uma aula, comandos são enviados para o sistema nervoso central para que os músculos relaxem, para que o corpo fique mais leve e solto e assim os níveis de estresse diminuem consideravelmente.

O trabalho energético que existe no Yoga também é uma ferramenta que pode ser utilizada para a prevenção do câncer. Por meio do equilíbrio dos chakras e dos demais canais energéticos, é possível equilibrar as glândulas que são fundamentais para a saúde do corpo físico. Suprarrenais, timo, hipófise, pâncreas, ovários são exemplos de glândulas que são ativadas e equilibradas com as técnicas do Yoga e, como resposta, observa-se aumento da imunidade, da vitalidade, do sono restaurador, da consciência de alimentar-se de forma adequada, de autocuidado e autoamor.

Dentro deste contexto, o autoexame das mamas é a prática de se observar amorosamente para garantir que qualquer alteração possa ser previamente tratada. O percentual de cura do câncer de mama é muito alto quando se diagnostica nas fases iniciais. Estar atento a cada mudança no organismo, com a mente concentrada no momento presente, auxilia a perceber quando ocorre alguma alteração no seu organismo e assim agir para solucionar qualquer problema que pode surgir.

Não apenas a observação física, mas também a observação dos padrões mentais e das emoções são fundamentais para que se viva de maneira equilibrada. Padrões mentais como rigidez, ansiedade, melancolia podem direcionar a pessoa a ter determinadas respostas que conduzem para o desequilíbrio e assim desencadear doenças.

Realizar cada atividade do dia a dia com concentração, com calma, vivenciando o momento presente, além de prevenir doenças, proporciona uma atitude de amor próprio, de se aceitar e assim a pessoa passa a cuidar mais de si mesma, a encarar a própria realidade de forma mais honesta e tranquila. Dessa forma, diversas doenças podem ser prevenidas ou então diagnosticadas em estágio inicial, ampliando a probabilidade de cura.

É importante lembrar que todos devem ter cuidados com a saúde e as informações devem ser compartilhadas para que alcancem o maior número de pessoas.

 

A prática proposta

A complexidade desta doença se oculta além do corpo físico, e na visão do Yoga é o momento de se fazer um retorno para dentro de si mesmo para rever todos os processos internos e mentais. O trabalho interno é o mais poderoso neste momento, como a prática do perdão. Pedir e estender o perdão em todas as direções, para todos os seres, em todos os tempos.

Abrir o coração para amar e receber amor. Buscar ver a beleza de todas as coisas e se alegrar mais e mais para ativar a glândula timo, que é responsável pela liberação de linfócitos T (células de defesa) e de elevação de autoestima.

1ª) Momento de acolhimento,

2ª) Interiorização – meditação da Bondade amorosa;

3ª) Somáticos – exercícios de aquecimentos de articulações lenta e conscientemente;

4ª) Kryia – técnica purificatória para gerar a liberação de matéria tóxica do corpo;

5ª) Pranayama – exercícios respiratórios para a conscientização da respiração diafragmática e com visualização do ar entrando no corpo e curando todas as células, e o ar saindo e levando consigo todos os distúrbios celulares;

6ª) Asanas – posturas psicofísicas que acomodam as limitações físicas, dirigindo o prana (energia vital) para todas as células do corpo;

7ª) Yoganidra – relaxamento com visualização dirigida à área do corpo que está necessitando de cura;

8ª) SamyamaDharana (exercícios de concentração preparatórios para meditação e Dhyama – a meditação do Perdão para desenvolver a atitude mental do perdão. “Peço perdão a mim mesmo e a todos os seres”. Ambos visando o Samadhi – o processo de expanção da consciência iluminação;

 

Benefícios:  

  • Ajuda a eliminar toxinas da quimio das articulações.
  • Reduz a inflamação.
  • Alívio da dor.
  • Redução do stress.
  • Sono mais profundo e restaurador, aliviando a insônia.
  • Ajuda em distúrbios mentais para mudanças de atitudes mentais.
  • Reforço do sistema imunológico.
  • Melhoria na concentração.
  • Fortalece e alonga os músculos e flexibiliza as articulações.
  • Ajuda na mudança de hábitos alimentares e padrões mentais.

 

Dicas de alimentação:

  • A dieta vegetariana é a ideal, pois a carne é veneno para o câncer. Evitar todo tipo de carne animal e embutidos;
  • Evitar açúcar e alimentos doces, pois eles enfraquecem o sistema imunológico;
  • Evitar os alimentos refinados e químicos, margarina e toda gordura animal, café, refrigerantes, álcool, fumo e alimentos defumados;
  • Comer diariamente repolho, brócolis, couve-flor, couve, abóbora e nabo, que auxiliam o corpo a neutralizar ou excretar certos alimentos cancerígenos;
  • Consumir gengibre, alho e cebola, que contém propriedades anticancerígenas;
  • Sucos: cenoura + couve + salsa; couve + brócolis + salsa + maçã; couve + nabo + folhas de dente-de-leão + salsa+ cenoura; salsa + maçã + gengibre + couve;
  • Aumentar a ingestão de antioxidantes – vitamina A, C, E, D, B, K, selênio e betacaroteno;
  • Aumentar a ingestão de cereais integrais e eliminar os refinados.

 

Sobre a Instrutora:

Soraya Diniz Farah é Cientista Política e Terapeuta Ayurvédica, se dedicou desde de jovem ao Yoga e Meditação. Uma eterna “buscadora“, amante das Terapias Holísticas fez vários cursos. É praticante de yoga desde 2000, onde participou de Cursos, Workshops, Vivências em Buenos Aires, Barcelona, Copenhagen, Boston. Instrutora de Hatha Yoga Integrativo desde 2012. Formada pelo curso da Prof. Ceres Moura, reconhecido pela Aliança do Yoga. Pioneira no projeto de Yoga na Sociedade Vipassana de Meditação – SVM, desde de 2012. Foi instrutora no Shambala Yoga Suddha Dharma Mandalam e ministrou também na Confederação Nacional da Indústria – CNI. Atuou como voluntária na Sociedade Eunice Weaver de apoio aos Hanseníanos. Coordenou a implementação do Yoga no Dhanvantari Ayurveda e Yoga. Atualmente além dos serviços prestados pela Zen Mind Yoga, Meditation & Therapies, na qual oferece serviços relacionados aos temas e atendimentos de reiki, faz a divulgação e produção de Eventos Holísticos por meio da Eco Mind Events. Eventos estes que trabalham a Ecologia interna e externa como Consumo e Entretenimento consciente, Sustentabilidade, Ecoturismo, Alimentação natural, Yoga, Meditação, Auto-cura e Auto-conhecimento e Ação Social. Sua missão é abrir a consciência das pessoas para um forma de viver mais consciente e saudável.

 

 

 

Inscrições:

Envie um WhatsApp – (61) 995174821 c/ nome completo e email. E o pagamento pode ser via depósito bancário ou cartão, clique AQUI.

 

 

Compartilhar é um gesto de doação e amor! Se achou interessante, compartilhe. Isso pode beneficiar alguém! Além disso, você pode receber por isso. Clique AQUI para ser Afiliado da Eco Mind Events para este evento.

 

Soraya Farah
Zen Mind Yoga Meditation & Therapies

WhatsApp: (61) 99517-4821
Instagram: zenmind_ecomind
Facebook: Eco Mind Events
Blogwww.ecomind.center